sexta-feira, 23 de setembro de 2016

O que é um cavalo de Troia?


Cavalos de Troia são programas maliciosos que executam ações não autorizadas pelo usuário. Entre essas ações estão:
  • Excluir dados
  • Bloquear dados
  • Modificar dados
  • Copiar dados
  • Atrapalhar o bom desempenho dos computadores ou das redes
Diferentemente dos vírus e worms de computador, os cavalos de Troia não são capazes de se autopropagar.

sábado, 14 de março de 2015

O que é memoria RAM


O que é memoria RAM e qual sua função

A memória RAM é um tipo de tecnologia que permite o acesso aos arquivos armazenados no computador. Diferentemente da memória do HD, a RAM não armazena conteúdos permanentemente. É responsável, no entanto, pela leitura dos conteúdos quando requeridos. Ou seja, de forma não-sequencial, por isso, a nomeclatura em inglês de Random Access Memory (Memória de Acesso Aleatório).



Para simplificar a lógica por trás da função da memória RAM, é possível fazer uma analogia com uma mesa de estudos, onde se reúne todo o material necessário para realizar os deveres de casa: como canetas, lápis, caderno e livros. Os materiais seriam os arquivos e a memória RAM, a mesa, onde tudo se reúne e o trabalho é feito.


Sendo assim, a memória RAM pode ser entendida como um espaço temporário de trabalho, pois, após a tarefa ser realizada, os arquivos (material de estudos) são retirados da memória (mesa) e mantidos no HD (armário).

Como funciona

Assim como a mesa, quanto maior a memória RAM, maior sua capacidade de trabalho. Mas a capacidade da mesa é medida em área. Quanto maior a área da mesa, mais livros cabem e mais rapidamente se faz o trabalho. Já a capacidade da memória RAM, mede-se pelo fluxo de bits suportados nas operações.
Ou seja, para se acessar uma grande quantidade de memória  no HD de uma só vez, como muitos programas atuais exigem, é necessário uma grande quantidade de memória RAM. São estes, portanto, os megabytes ou gigabytes que aparecem nas configurações.
A memória RAM é um chip semelhante a um micro-processador, composto por milhões de transistores e capacitores. O capacitor é uma peça capaz de armazenar elétrons. Quando ele está carregado, o sistema faz uma leitura com base no famoso código binário de “zeros e uns”. Cada leitura dessa em zero ou um significa um bit de informação. Essa leitura é feita de forma muito rápida, são muitas em poucos milésimos de segundos. É assim que a memória RAM processa todas as ações executadas pelo usuário.

Largura e velocidade do barramento

Outras características que influenciam na capacidade de processamento da memória RAM são a largura e a velocidade do barramento, que é um conjunto de “fios” responsáveis pela conexão da memória com os outros componentes.
A largura nos diz o número de bits que podem ser enviados ao CPU simultaneamente. A velocidade é o número de vezes que esse grupo de bits pode ser enviado a cada segundo.
A memória comunica-se com o CPU, trocando dados, e completa o que se conhece como ciclo de barramento. É esse período que apresenta o desempenho da memória que, pode ser de 100MHz e 32bits, por exemplo. Isto significa que tal memória é capaz de enviar 32bits de dados ao processador 100 milhões de vezes por segundo. No entanto, existe um efeito chamado latência, que atrasa a taxa de transferência de dados de forma significativa quando se envia o primeiro bit.
Ao se comprar uma memória deve-se ficar atento para essa questão da taxa de transferência. Não adianta a memória  ter uma frequência alta e a frequência do sistema ser menor, pois a taxa do sistema vai limitar a da memória RAM. Portanto, para um sistema que rode a 100MHz e 32bits, compre uma memória com os mesmos aspectos.


segunda-feira, 9 de março de 2015

O'que e Virus?





Em informatica, um vírus de computador é um software malicioso que vem sendo desenvolvido por programadores que, tal como um vírus biológico, infecta o sistema, faz cópias de si mesmo e tenta se espalhar para outros computadores, utilizando-se de diversos meios.
A maioria das contaminações ocorre pela ação do usuário, executando o arquivo infectado recebido como um anexo de um e-mail. A contaminação também pode ocorrer por meio de arquivos infectados em pen drives, CDs e outros. A segunda causa de contaminação é por Sistema Operacional desatualizado, sem correções de segurança, que poderiam corrigir vulnerabilidades conhecidas dos sistemas operacionais ou aplicativos, que poderiam causar o recebimento e execução do vírus inadvertidamente.
Ainda existem alguns tipos de vírus que permanecem ocultos em determinadas horas, entrando em execução em horas especificas.


Também pode-se ser infectado por um vírus através de sites contaminados.

Quais são os tipos de vírus?

Existem atualmente 14 categorias de vírus de computador. Veja a seguir quais são os tipos de vírus e suas características:

ARQUIVO - Vírus que anexa ou associa seu código a um arquivo. Geralmente, esse tipo de praga adiciona o código a um arquivo de programa normal ou sobrescreve o arquivo. Ele costuma infectar arquivos executáveis do Windows, especialmente .com e .exe, e não age diretamente sobre arquivos de dados. Para que seu poder destrutivo tenha efeito, é necessário que os arquivos contaminados sejam executados.

ALARME FALSO - Não causa dano real ao computador, mas consome tempo de conexão à Internet ao levar o usuário a enviar o alarme para o maior número de pessoas possível. Se enquadra na categoria de vírus-boato e cartas-corrente.

BACKDOOR - Como o próprio nome diz, é um vírus que permitem que hackers controlem o micro infectado pela "porta de trás". Normalmente, os backdoors vêm embutidos em arquivos recebidos por e-mail ou baixados da rede. Ao executar o arquivo, o usuário libera o vírus, que abre uma porta da máquina para que o autor do programa passe a controlar a máquina de modo completo ou restrito.

BOOT - Vírus que se infecta na área de inicialização dos disquetes e de discos rígidos. Essa área é onde se encontram arquivos essenciais ao sistema. Os vírus de boot costumam ter alto poder de destruição, impedindo, inclusive, que o usuário entre no micro.

CAVALO DE TRÓIA (TROJAN) - São programas aparentemente inofensivos que trazem embutidos um outro programa (o vírus) maligno.

ENCRIPTADOS - Tipo recente que, por estarem codificados, dificultam a ação dos antivírus.

HOAX - Vírus boato. Mensagens que geralmente chegam por e-mail alertando o usuário sobre um vírus mirabolante, altamente destrutivo. Veja também: O que são hoaxes.

MACRO - Tipo de vírus que infecta as macros (códigos executáveis utilizados em processadores de texto e planilhas de cálculo para automatizar tarefas) de documentos, desabilitando funções como Salvar, Fechar e Sair.

MULTIPARTITE - Vírus que infecta registro mestre de inicialização, trilhas de boot e arquivos.

MUTANTE - Vírus programado para dificultar a detecção por antivírus. Ele se altera a cada execução do arquivo contaminado.

POLIMÓRFICO - Variação mais inteligente do vírus mutante. Ele tenta difiultar a ação dos antivírus ao mudar sua estrutura interna ou suas técnicas de codificação.

PROGRAMA - Infectam somente arquivos executáveis, impedindo, muitas vezes, que o usuário ligue o micro.

SCRIPT - Vírus programado para executar comandos sem a interação do usuário. Há duas categorias de vírus script: a VB, baseada na linguagem de programação, e a JS, baseada em JavaScript. O vírus script pode vir embutido em imagens e em arquivos com extensões estranhas, como .vbs.doc, vbs.xls ou js.jpg

STEALTH - Vírus "invisível" que usa uma ou mais ténicas para evitar detecção. O stealth pode redirecionar indicadores do sistema de modo a infectar um arquivo sem necessariamente alterar o arquivo infectado.

quinta-feira, 5 de março de 2015

O que é sistema operacional?

  • O que é sistema operacional?

  • Um sistema operacional é um programa ou um conjunto de programas cuja função é gerenciar os recursos do sistema (definir qual programa recebe atenção do processador, gerenciar memória, criar um sistema de arquivos, etc.), fornecendo uma interface entre o computador e o usuário. O Windows é um sistema operacional com interface gráfica, ou seja, os ícones são atalhos para comandos (ao invés de você ter que digitar “desligar” para que o computador desligue você só precisa clicar no botão desligar na barra iniciar).
  • O que são periféricos?
  • Às vezes pessoas se referem ao monitor como computador, mas o computador na verdade fica dentro daquele gabinete que tem o botão físico de ligar. Os periféricos são ferramentas que enviam ou recebem mensagens para o computador. Por exemplo, o mouse envia a mensagem de que você o mexeu pra direita, o computador traduz isso e o sistema operacional calcula e movimenta o cursor do mouse na tela. O computador é mais rápido quando consegue fazer mais cálculos em menos tempo, porque todos os programas funcionam a base de comandos e cálculos.



20 atalhos essenciais do computador

 O que sempre gostei no Windows é que posso realizar tarefas populares de várias maneiras. Digamos que você queira imprimir algo. Basta ir até o menu Arquivo e selecionar o comando Imprimir, ou você pode pressionar o botão Ctrl e a letra P. Ctrl+P é apenas um exemplo de atalho de teclado. Os atalhos combinam duas ou mais teclas para realizar algo especial que nenhuma tecla sozinha faz.
Prefiro usar atalhos sempre que possível. É incrível o tempo que se poupa reduzindo cliques do mouse. Veja aqui os 20 atalhos de que mais gosto e que talvez você não conheça, mas deveria.
Conheça o básico
Existem alguns atalhos que uso o dia inteiro, todos os dias. Eles servem para fotos, músicas, documentos ou planilhas.
·         Copiar um item selecionado: Ctrl+C
·         Recortar um item selecionado: Ctrl+X
·         Colar um item selecionado: Ctrl+V
·         Desfazer uma ação: Ctrl+Z
·         Refazer o que acabei de desfazer: Ctrl+Y
·         Selecionar tudo: Ctrl+A
·         Imprimir: Ctrl+P
Gerencie janelas abertas
Provavelmente, você usa seu computador para fazer várias coisas de uma vez. Os atalhos ajudam a organizar a bagunça. Vá em frente e tente usá-los enquanto lê sobre cada um.
·         Alternar entre janelas abertas Alt+Tab
Se várias janelas estiverem abertas e você não tiver certeza de qual precisa, pressione Alt+Tab e veja uma miniatura de todas as janelas abertas. Em seguida, enquanto mantém pressionada tecla Alt, pressione a tecla Tab várias vezes até chegar à janela que você quer.

Pressione Alt+Tab para alternar entre janelas abertas
·         Recolher tudo e mostrar a área de trabalhoTecla do logotipo do
Tecla Windows +D
Use este atalho para minimizar as várias janelas abertas de uma vez e verificar algo na área de trabalho. Uma tela enxuta com dois dedos.

Uma área de trabalho antes de pressionar a tecla do logotipo do Windows +D

A mesma área de trabalho depois de pressionar a tecla do logotipo do Windows +D
·         Minimizar a janela Tecla do logotipo do
Tecla Windows  +Seta para baixo
Minimize a janela e veja o que há sob ela. O atalho é muito rápido. Se a janela já estiver maximizada (cobrindo toda a tela), ela ficará no tamanho “normal”. E, se estiver no tamanho normal, ela será minimizada inteiramente.
·         Maximizar a janelaTecla do logotipo do
Tecla Windows  +Seta para cima
O procedimento para maximizar janelas é igual.
Surpreenda-se ainda mais com o gerenciamento de janelas
Talvez você fique surpreso ao saber que existem ainda mais opções quando o assunto é lidar com janelas e programas abertos. É isso aí, existem.
·         Comparar e contrastar com um único ajusteTecla do logotipo do
Tecla Windows  +Seta para a esquerda ou Seta para a direita
Ajustar é a forma mais fácil que conheço para comparar dois documentos ou para anotar algo enquanto olho um navegador. O atalho para Ajustar torna tudo ainda mais rápido. Vá em frente e tente esse atalho agora.
Enquanto pressiona a tecla do logotipo do Windows , clique na seta para a direita ou na seta para a esquerda e seu navegador deslizará para o lado. Escolha outra janela (como um documento do Word) e use o atalho somente com a tecla oposta.
Você pode usar um atalho de teclado para ver janelas lado a lado com o recurso Ajustar
·         Multitarefa com vários monitoresTecla do logotipo do
Tecla Windows  +Shift+Seta para a direita ou Seta para a esquerda
Você usa mais de um monitor de uma vez? Agora, você pode deslocar uma janela aberta para seu outro monitor em menos de um segundo. 
Gerencie tarefas
Talvez você já use um atalho (Ctrl+Alt+Delete) para abrir o Gerenciador de Tarefas ou bloquear seu computador. Mas existem atalhos para esse atalho.
·         Abrir o Gerenciador de Tarefas 
Ctrl+Shift+Esc
Este simples atalho leva você rapidamente para o Gerenciador de Tarefas, sem etapas intermediárias.
Gerenciador de Tarefas no Windows 7
·         Bloquear o computador ou alternar usuáriosTecla do logotipo do
Tecla Windows  +L
Este atalho bloqueia seu computador e exibe instantaneamente a tela de logon. 
Exiba do seu jeito
Com os atalhos, você pode visualizar seu computador mais rápido da maneira como quiser.
·         Escolha um modo de exibição de apresentaçãoTecla do logotipo do
Tecla Windows  +P
Se você está fazendo uma apresentação ou usando vários monitores, é muito simples alternar configurações.
Escolhendo um modo de exibição de apresentação
·         Ampliar, reduzirTecla do logotipo do
Tecla Windows  +Sinal de adição ou Sinal de subtração
A tecla de sinal de adição (+) amplia; a tecla de sinal de subtração (-) reduz. Com esses atalhos, você pode ver um texto pequeno em uma página da Internet ou conferir os pixels em uma foto.
Você pode usar o teclado para ampliar os detalhes de uma foto
Alguns últimos truques
Veja aqui alguns atalhos finais. Para saber mais sobre atalhos de teclado, confira a lista completa.
·       Pesquisar arquivos e pastas Tecla do logotipo do
Tecla Windows  +F
Antes, localizar um arquivo podia ser quase uma expedição arqueológica. Mas, hoje, as pesquisas são realmente fáceis e completas. Use este atalho para abrir uma janela de pesquisa, digite algumas palavras e, pronto, eis o seu arquivo.
·         Abrir uma nova instância de um programa Tecla do logotipo do
Windows +Shift+Clicar em um ícone da barra de tarefas
Eu gosto das guias do Internet Explorer, mas, às vezes, quero uma janela do navegador totalmente nova. Para abrir uma, clico no ícone do Internet Explorer, mantendo a tecla Shift pressionada.
·         E quando você precisar... obtenha ajuda Tecla do logotipo do
Tecla Windows  +F1
É o atalho mais simples que existe. Se nada mais funcionar e você não souber o que fazer, pressione F1.

Fonte: http://windows.microsoft.com/pt-br/windows7/20-pc-shortcuts